transações

5 dicas para transações seguras

No mundo moderno, fazer transações financeiras online se tornou a norma. De pagar contas a comprar produtos, a internet tornou a vida financeira mais conveniente. No entanto, essa comodidade também traz preocupações com a segurança. 

Neste artigo, vamos explorar maneiras práticas e acessíveis de proteger seu dinheiro durante transações online, garantindo que você possa aproveitar ao máximo os benefícios da era digital.

1. Mantenha seus dispositivos atualizados

Manter seu computador, smartphone e outros dispositivos atualizados é o primeiro passo para proteger seu dinheiro online. As atualizações de software frequentes incluem correções de segurança que fortalecem a proteção contra ameaças cibernéticas. 

De acordo com o relatório da NortonLifeLock de 2021, “80% das vulnerabilidades exploradas têm patches disponíveis por mais de um ano”. Isso destaca a importância de manter seu sistema operacional e software atualizados, pois as atualizações geralmente contêm correções cruciais de segurança.

2. Use senhas fortes e únicas

Senhas fortes são como um escudo digital. O Relatório de Senhas da NordPass de 2021 revela que as senhas mais comuns, como “123456”, continuam sendo usadas, apesar dos riscos. Em vez disso, crie senhas longas e complexas que combinem letras maiúsculas, minúsculas, números e caracteres especiais. 

E, o mais importante, não use a mesma senha em várias contas online. Considere usar um gerenciador de senhas para manter o controle de todas elas.

3. Verifique a autenticidade dos sites e aplicativos

Antes de inserir informações financeiras em qualquer site ou aplicativo, certifique-se de que ele é legítimo.Segundo o FBI, os golpes de phishing representam uma ameaça significativa, e verificar a legitimidade de um site antes de inserir informações financeiras é fundamental para evitar fraudes. Procure “https://” no início da URL e um ícone de cadeado na barra de endereço, sinalizando uma conexão segura. Baixe aplicativos apenas de lojas de aplicativos confiáveis, como a App Store ou Google Play.

4. Ative a autenticação de dois fatores (2FA)

A autenticação de dois fatores é uma camada extra de segurança que exige uma segunda forma de verificação além da senha. Isso pode ser um código enviado para o seu celular ou gerado por um aplicativo de autenticação. Ativar o 2FA torna muito mais difícil para hackers acessarem suas contas, mesmo se tiverem sua senha. O Relatório de Tendências de Segurança Cibernética da Cisco de 2021 destaca que “o uso da autenticação de dois fatores pode bloquear até 99,9% das tentativas de login automatizadas”

5. Monitore suas contas regularmente

A vigilância constante é essencial para detectar atividades financeiras suspeitas. Defina alertas para transações incomuns em suas contas para ser notificado imediatamente de qualquer atividade não autorizada. Quanto mais cedo você identificar um problema, mais fácil será resolvê-lo.

Mantenha-se informado

Para se manter atualizado sobre as ameaças online mais recentes, considere seguir sites de segurança cibernética respeitáveis e notícias financeiras. Isso o ajudará a entender as tendências e a tomar medidas proativas para proteger suas finanças.

Seu dinheiro, sua responsabilidade

Proteger seu dinheiro durante transações online é uma responsabilidade que todos devemos assumir. Com essas dicas práticas e simples, você pode garantir que suas finanças permaneçam seguras e desfrutar das conveniências da economia digital sem preocupações.

 Não deixe a segurança de suas finanças ao acaso. Comece a implementar essas estratégias hoje e proteja seu dinheiro para um futuro financeiro tranquilo. Suas finanças merecem ser protegidas com todo cuidado.

Leia também 3 estratégias essenciais para proteger suas informações online.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *