Como organizar o pagamento de contas

Postado em por brenda

pagamento de contas

Uma das responsabilidades mais importante da nossa vida é o pagamento de contas! E, em geral, também é a que menos gostamos de fazer, não é mesmo? 

No entanto, sem um sistema organizado de pagamento de contas, elas podem ficar em atraso ou serem perdidas, resultando em multas e outras dores de cabeça. Afinal, pagamentos atrasados ​​também podem arruinar seu crédito. E nós queremos evitar o endividamento excessivo!

Cada pessoa desenvolve o seu próprio método de organização ao longo da vida, porém muitos são propensos a erros e confusão. A seguir vamos mostrar um passo-a-passo fácil de seguir para você conquistar mais controle sobre os seus pagamentos!

Ponha na lista

O que seria da humanidade sem uma lista?

Elas estão presentes em tudo o que fazemos, seja ir ao mercado ou organizar uma viagem para a praia. Logo, as suas contas merecem a mesma atenção.

Seja em um pedaço de papel, em uma planilha do Excel ou em um aplicativo, fazer uma lista com todas as suas contas é o 1º passo para uma organização de sucesso. Porém, tenha em mente que você precisará ter acesso fácil a essa lista e não pode perdê-la. Portanto, se você é fã dos clássicos e optou pela folha de papel, certifique-se de guardá-la em um local estratégico e de atualizá-la quando necessário.

O ideal é que você possa marcar quais contas já pagou esse mês e quais ainda faltam. Assim, você não fica na dúvida se pagou a conta de luz ou não, consegue acompanhar o seu gasto mensal médio e ainda tem o prazer de marcar uma tarefa como concluída.

Defina as datas de vencimento

Sempre que possível, procure definir os vencimentos das contas para logo após o dia do recebimento do seu salário.

Isso vai funcionar tanto para a organização dos seus pagamentos quanto para a sua sensação de liberdade. Ao pagar as contas assim que o salário cai, você “se livra” delas e não fica com dúvidas sobre quanto dinheiro terá efetivamente disponível para outros usos esse mês.

Caso você não receba mensalmente, escolha as datas considerando o montante de dinheiro em caixa. Com isso, o seu fluxo de caixa será mais bem equilibrado.

Cada boleto no seu lugar

Assim, como a sua lista, os boletos também devem ser guardados de forma organizada e de fácil acesso. Você pode armazenar as contas do mês em uma pasta-catálogo ou em uma caixa específica, por exemplo. 

O importante é não perder os boletos e mantê-los guardados todos no mesmo lugar para ter mais controle sobre os seus pagamentos. E, quando pagar algum deles, não esqueça de anotar na lista!

Leia também: O efeito da pandemia na renda dos brasileiros – o que mudou?

Prefira comprar à vista

Esconder o boleto não faz ele sumir e parcelar uma compra não economiza dinheiro.

Use o crédito em situações em que ele seja necessário, porém sempre tenha preferência pelo débito. Vale a pena guardar o suficiente para realizar a compra à vista. Além de ajudar você a não se perder nas suas contas, a compra à vista pode até mesmo render um bom desconto.

Mas, se você se enrolar com o cartão de crédito e não tiver o valor necessário para pagar a fatura, evite o parcelamento. Informe-se sobre empréstimos pessoais ou empréstimos consignados no seu banco. Empréstimos dessas categorias tendem a ter juros menores do que os que você pagará se parcelar a fatura diretamente com a operadora do cartão de crédito.

Deixe a tecnologia ajudar

A tecnologia chegou para nos ajudar em praticamente todas as áreas da nossa vida. No pagamento de contas, isso não é diferente.

Você pode usar métodos como débito automático, DDA, lembretes e aplicativos a seu favor. Contas como água, luz, telefone e até serviços mais modernos como o aplicativo de streaming de músicas, Spotify, já permitem o débito automático. 

Assim, você tem um boleto a menos com o qual se preocupar e pode dormir tranquilo com a certeza de que a conta irá se pagar sozinha sem necessidade de interferência. 

Mas fique atento: é preciso ter saldo na conta. Do contrário, você pode acabar no cheque especial e ter mais juros do que teria pagando o boleto em atraso. Além disso, em caso de atraso, serviços como água e luz podem ser interrompidos pela empresa fornecedora. 

Outra forma de organizar o pagamento de contas pela internet é usando o DDA (Débito Direto Autorizado), um sistema bancário eletrônico que permite que todos os boletos de cobrança no seu CPF sejam recebidos eletronicamente pelo seu banco. 

Além disso, não sobrecarregue a sua memória! 

Os aplicativos de lembretes facilitaram a vida de quem organiza os pagamentos. Com um simples calendário do celular, por exemplo, é possível cadastrar alertas para lembrá-lo de suas contas. Porém, se você quiser levar a tecnologia ao próximo nível, também existe uma infinidade de aplicativos específicos para organização dentre os quais escolher.

Revise os pagamentos

É para isso que você fez uma lista!

Revise as contas que tem para receber e pagar para se certificar de que não tem nada fora do lugar. A sua lista vai tornar a tarefa mais rápida e eficiente. Imagine só se você tivesse que procurar por cada recibo!

Caso perceba que deixou escapar algum gasto, realize o pagamento o quanto antes. E se as contas estiverem apertadas, aproveite a revisão da sua lista ou planilha para analisar onde é possível economizar. Isso pode ser útil para guardar dinheiro para uma viagem, por exemplo.

Tenha uma reserva de emergência

Acabamos de falar sobre momentos complicados e a pandemia certamente é um deles. 

De repente, negócios fecharam ou tiveram que alterar completamente o seu funcionamento, a casa virou o escritório de muita gente, empregos foram perdidos e outros foram criados. 

O que queremos dizer com isso é que o mundo é instável e a sua organização financeira deve estar preparada para cenários difíceis. Afinal, ninguém sabe o dia de amanhã.

A reserva de emergência é aquele dinheiro reservado exclusivamente para arcar com despesas emergenciais e imprevistos, sejam eles um acidente de carro, uma mudança, uma troca de emprego ou até mesmo uma pandemia. 

Sempre que possível, guarde uma quantia mensal de dinheiro para essa finalidade e tranque-a a sete chaves! Ela é a sua garantia para lidar com adversidades da melhor maneira possível.

Se livre das dívidas

Mesmo com toda a organização possível, sabemos que a realidade nem sempre é fácil e você pode acabar contraindo dívidas. Mas é importante não deixar a dívida crescer e virar uma bola de neve.

Assim que possível, negocie para se livrar das dívidas e organizar a sua vida financeira. Com uma boa negociação, você pode conseguir descontos nos juros e parcelamentos mais flexíveis. Mas corra para que a dívida não se torne cada vez mais complicada de resolver.

Organize suas contas com a SimPay

A quantidade de contas a pagar pode parecer infinita!

Luz, água, gás, Netflix, Spotify, jornal, TV por assinatura, academia, aulas de inglês… Tudo isso corre o risco de soterrar o seu dinheiro se você não assumir o comando. Ao organizar suas contas do dia a dia, você chega mais perto de alcançar a tranquilidade financeira.

Mas isso não precisa ser um bicho de sete cabeças! Seguindo as nossas dicas, você vai conhecer melhor os seus próprios gastos e conquistar a capacidade de acompanhá-los de forma eficiente, evitando estresse desnecessário.

E aqui vai mais uma: você pode contar com a SimPay para desafogar naquele mês mais difícil. Com a nossa plataforma, você parcela o pagamento de contas através do cartão de crédito, com juros a partir de 2,99% ao mês e sem burocracia.

Você pode parcelar pela SimPay contas de IPVA, multas, licenciamento, e dívidas de consumo como água, luz, internet, telefone, aluguel, condomínio, financiamentos em atraso de carro ou casa, entre outros boletos, com prazo de quitação de até um dia útil.

“Buscamos oferecer um fôlego financeiro em meio a pandemia de Covid-19, colaborando com o desendividamento”, destaca Maurílio Oliveira, diretor da SimPay.

Além da disponibilidade de realizar as transações aqui no site, já são hoje 35 pontos credenciados, em municípios como Alvorada, Canoas, Estância Velha, Campo Bom, Guaíba, Gravataí, Imbé, Porto Alegre, São Leopoldo, Novo Hamburgo, Osório, Parobé, Sapiranga, Sapucaia, Santa Cruz, Santo Antônio da Patrulha, Taquara e Venâncio Aires. 

Não deixe para amanhã: comece hoje mesmo a sua lista de contas a pagar e aproveite o futuro sem pagamentos em atraso!

Postado por: brenda

Gostou deste artigo? Compartilhe!

Leia também:
https://somossimpay.com.br/wp-content/uploads/2020/08/Captura-de-Tela-2020-08-26-às-23.48.25.pnghttps://somossimpay.com.br/wp-content/uploads/2021/08/foto-blog-simpay-1.jpg